NOTÍCIAS

Reitoria Presente: diálogo e transparência no Campus Caraguatatuba – IFSP

Temas como orçamento, combate à violência e carga horária docente foram temas do debate

O Campus Caraguatatuba foi palco, nesta quarta-feira (29), das reuniões do projeto “Reitoria Presente”, um encontro que trouxe à comunidade acadêmica a presença do reitor, Silmário Santos, pró-reitores e diretores sistêmicos. O objetivo principal foi promover um diálogo aberto, esclarecer dúvidas e apresentar as atividades em andamento no Instituto Federal de São Paulo (IFSP), além de identificar as principais necessidades da comunidade interna.

 

Estudantes no centro do debate

A programação iniciou com um encontro com os discentes. Os estudantes levantaram questões cruciais, desde a logística para visitas técnicas até políticas de permanência e a necessidade de um restaurante universitário. O reitor, experiente nos desafios enfrentados pelos campi, explicou as diversas soluções encontradas pelos campi no estado para solucionar a questão e anunciou que estuda implementar uma alternativa que contemple todas as unidades. Ele também comprometeu-se a dialogar com diretores para subsidiar a alimentação dos estudantes.

Destacou-se a inauguração da quadra esportiva, resultado de investimentos da reitoria e emendas parlamentares. Uma aluna, atenta às possibilidades de inclusão, solicita adaptações para novos esportes, questionando também sobre a entrada de água da chuva. O reitor respondeu prontamente que está articulando ações para solucionar os problemas apontados. Ele orientou os alunos a organizarem propostas e apresentá-las junto à direção da unidade.

Parcerias e ações contra a violência

As parcerias do IFSP também foram tema dos questionamentos dos estudantes. O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Adalton Ozaki, esclareceu que há parcerias como a do Centro Tecnológico de São José dos Campos, e incentivou a comunidade a desenvolver projetos para a instituição apresentá-las. 

O diretor de Assuntos Estudantis (Daest), Reginaldo Vitor Marçulli Pereira, anunciou a elaboração de uma política contra a violência, incluindo um fluxo para atendimento de denúncias.

 

Infraestrutura e conectividade

Alunos trouxeram à tona desafios práticos, como a falta de internet no novo bloco. A diretora-geral, Juliana Barbara Moraes, destacou investimentos em roteadores e equipamentos, envolvendo a integração total do campus à rede. 

 

Segurança e mobilidade

A segurança no entorno do campus foi debatida, com a sugestão de ações conjuntas com órgãos externos, e também a necessidade de adequação de horários de linhas de transporte entre Caraguatatuba e Ubatuba. A orientação foi que em ambos os casos a gestão busque apoio junto aos órgãos públicos. Houve destaque para a necessidade da notificação em casos de violência, visto que a Polícia Militar amplia o patrulhamento em locais com índices maiores de ocorrências.

Desafios e perspectivas para o IFSP

Os servidores trouxeram à tona desafios administrativos, como a expansão e criação de códigos de vagas. O reitor apontou para a necessidade de recursos e ressaltou a necessidade do alinhamento das expectativas políticas e técnicas do governo. A preocupação com o orçamento da Rede Federal também foi discutida, e os esforços para evitar cortes. Também se discutiu a gestão dos recursos e a iniciativa do IFSP a fim de mitigar os efeitos do encolhimento, ao longo dos anos, dos recursos orçamentários que, entre outros aspectos, afetam a manutenção das bolsas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *