NOTÍCIAS

Prefeitura visita empresa Eduzz e projeto social do Instituto Elevar para ensino e capacitação profissional de jovens – Agência de Notícias

Fotos: Michelle Alves (Secom/Sorocaba)

A Prefeitura de Sorocaba foi convidada a participar, na noite de sexta-feira (24), de um encontro, promovido pelo Instituto Elevar de Educação e Empreendedorismo, que reuniu representantes do Instituto; o vice-prefeito Fernando Martins da Costa Neto, que na ocasião representou o prefeito Rodrigo Manga; o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Paulo Henrique Marcelo; a secretária municipal da Cidadania (Secid), Ana Cláudia Fauaz; o vereador Ítalo Moreira; o deputado federal Kim Kataguiri; o deputado estadual Guto Zacarias; o economista e consultor Geraldo Almeida, além de outros convidados.

A reunião aconteceu na Vila Digital, onde funciona a empresa Eduzz e está sediado o Instituto Elevar, no bairro Jardim das Magnólias, na Zona Sul, que foi palco do anúncio da destinação de emendas parlamentares dos dois deputados, voltadas à área da educação e capacitação profissional, em valores que somam R$ 1,4 milhão.
O parlamentar Kim Kataguiri destinou emenda para Sorocaba, no valor de R$ 1 milhão e que deve ser aplicado a projetos do Instituto Elevar, parceiro do Poder Público municipal, por meio da Secid, em projetos voltados a três áreas: ações de fortalecimento de vínculos familiares, em ações com a rede CRAS (Centros de Referência em Assistência Social); projeto Jovem Aprendiz; e vários cursos e oficinas voltados à capacitação profissional de jovens e adultos.

Para alavancar esses projetos, especialmente no âmbito da formação profissional, o Instituto Elevar também está construindo um novo laboratório de tecnologia, onde deverá funcionar o primeiro curso de capacitação em Inteligência Artificial (IA) do País.

O deputado estadual Guto Zacarias também direcionou emenda ao município, no âmbito educacional, para o curso de manutenção de aeronaves da Fatec Sorocaba.
“Sabemos que o foco dos cursos e demais atividades promovidas pelo Instituto são as pessoas, especialmente crianças e jovens em situação de vulnerabilidade. Então, essa é uma grande contribuição para a nossa cidade, na medida em que proporciona a eles a oportunidade de se desenvolver e alcançar êxito na vida, por meio da aquisição de conhecimento”, disse o vice-prefeito Fernando Martins da Costa Neto.

O jovem Gabriel Henrique Torres Pólvora, que foi atendido pelo projeto e hoje é instrutor, exemplificou os benefícios dessa iniciativa, vividos por ele na prática. “Sou um jovem que tem essa oportunidade, de aprender coisas como programação, Excel, a trabalhar com códigos, enfim, são muitos conhecimentos que, mesmo a maioria dos adultos não tiveram acesso, mas que muitas crianças e adolescentes, de comunidades ao redor, estão tendo a chance de conhecer. Aqui, em vez de estar nas ruas ou envolvidos com coisas erradas, estão todos aprendendo. Eu descobri o projeto Elevar e agradeço a todos os participantes, a começar pelo prefeito Rodrigo Manga, que criou essa oportunidade para mim e para tantos aqui”, contou Gabriel.

“Eu também gostaria de agradecer a parceria com a Secid, que tem levado a tantos jovens o acesso a esses cursos. E dizer que estamos apenas começando. E, mesmo assim, já vemos os excelentes resultados. O objetivo é crescer cada vez mais e levar a mais jovens essas oportunidades que podem mudar suas vidas, como já está acontecendo com muitos que estão aqui”, relatou a presidente do Instituto Elevar, Verônica Maria da Costa Dantas.

O encontro foi seguido de um lanche, oferecido a todos os presentes, que, após, também foram convidados a conhecer as instalações do novo laboratório de Tecnologia do Instituto Elevar.

O Instituto Elevar de Educação e Empreendedorismo “Projeto Elevar” é uma organização sem fins lucrativos, que mobiliza pessoas e instituições, com o objetivo de promover o desenvolvimento e a transformação de pessoas, por meio da educação, inclusão digital, arte, cultura, esporte, qualificação profissional e empreendedorismo.

Seu compromisso é para que crianças, adolescentes, jovens e adultos tenham acesso aos seus direitos básicos, de modo que consigam viver com dignidade e tenham oportunidades de transformar as suas vidas e de sua comunidade.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *