NOTÍCIAS

Sojicultores devem fazer cadastro dos plantios realizados a partir de 1° de janeiro

O plantio de soja teve prazo prorrogado em Santa Catarina, com calendário diferenciado dentro do estado de acordo com o mapa estabelecido pela Cidasc.

O calendário de plantio, o vazio sanitário e a proibição de plantar soja sobre soja são estratégias de combate à ferrugem asiática no país.

A portaria que instituiu o Programa Nacional de Controle da Ferrugem Asiática da Soja, prevê que os estados mantenham o cadastro dos produtores de soja atualizado a cada safra.

Por isso, os plantios realizados a partir de 1º de janeiro em Santa Catarina devem ser cadastrados junto à Cidasc, obedecendo o que foi determinado pelo Ministério da Agricultura.

O gestor do Departamento Estadual de Defesa Vegetal (Dedev), Alexandre Mees, explica que apesar de ser uma medida apenas burocrática, a informação é útil ao estado para a definição de políticas públicas ligadas à cultura.

SONORA

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *