NOTÍCIAS

Prefeitura de Cuiab | Tcnicos do Ministrio da Sade realizam reunio com secretrio de Sade de Cuiab e apresentam dados preliminares de diagnstico

 

Técnicos do Ministério da Saúde apresentaram dados preliminares do diagnóstico situacional realizado nas unidades de saúde de Cuiabá. A reunião ocorreu nesta quarta-feira (17) no prédio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). A visita foi realizada a pedido do prefeito Emanuel Pinheiro, que apresentou documentos que indicam a gravidade da situação deixada pelo gabinete de intervenção do Estado. 

Estiveram presentes na reunião Andressa Gorla e Janaina Lopes Novaes, do Departamento de Regulação Assistencial e Controle (DRAC); Fernanda Hamze, do Departamento de Atenção Hospitalar Domiciliar e de Urgência (DAHU) e Vinicius Santos Sanches do Departamento de Atenção Especializada e Temática (DAET). 

O relatório situacional feito pelos técnicos será entregue aos superiores de cada departamento do Ministério da Saúde e, em seguida, o relatório passará por avaliação do secretário de Atenção Especializada à Saúde do Ministério da Saúde, Helvécio Miranda Magalhães Júnior. 

Foram realizadas visitas técnicas unidades de saúde do município desde a última segunda-feira. Os ténicos visitaram o Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), o antigo Pronto-Socorro de Cuiabá e o Hospital São Benedito. Foram visitadas todas as unidades de pronto atendimento e realizadas reuniões com o secretário de Saúde, Deiver Teixeira, e o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro. 

O secretário Deiver Teixeira, que comandou a reunião nesta quarta-feira, classificou a reunião como produtiva e agradeceu a visita dos técnicos do Ministério da Saúde. Teixeira comentou que foram expostas as dificuldades e desafios da gestão e o que avançou nas duas primeiras semanas de gestão. 

“Foi uma reunião muito importante para todos nós e esclarecedora, tenho certeza que vamos avançar ainda mais nas próximas semanas a partir dos problemas que encontramos no período pós intervenção”, afirmou o secretário.

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *